domingo, 25 de julho de 2021

Valença RJ, de Todas as Cores


Valença
RJ, de todas as cores, de todos os cheiros, de todas as flores. Os cantos, os matos, os cantos dos pássaros, de tantas espécies que nos acordam com seus acordes.

Eu só tenho medo que tudo um dia se acabe, como nas cidades grandes que já perderam suas cores e seus encantos. Onde todas as cores já se tornaram cinza.

Quero sempre ser acordado pelo canto do sabia, pelos gritos das Maritacas e dos bem-te-vis, quero continuar vendo o voo elegante dos tucanos que volta e meia sobrevoam minha casa. Que a vida seja sempre assim, cheia dos cantos cheios de árvores e dos encantos dos pássaros. 

 


 







Nenhum comentário:

Postar um comentário